domingo, 25 de outubro de 2009

Verdelho nas Portas do Mar - I

Como já referimos aqui, os vinhos de Verdelho dos Biscoitos, à semelhança do que aconteceu no "Wine Festival" em 2008, têm sido objecto de muita curiosidade por parte de açorianos e turistas. Muitos dos consumidores associam o Verdelho somente ao vinho licoroso. A presença de um Verdelho para acompanhar uma refeição foi uma agradável novidade.

Segundo Teresa Lima e João Neves a presença do Verdelho dos Biscoitos neste certame está a ser uma mais valia para os produtores deste tipo de vinho.

O Jornalista Pedro Moura, acompanhado por Teresa Lima, aquando da visita ao espaço "Verdelho dos Biscoitos nas Portas do Mar" no "Wine in Azores", no momento em que estava em prova o vinho de Verdelho "Donatário" da Casa Agrícola Brum Lda.(Museu do Vinho dos Biscoitos).

Teresa Lima é um dos convidados do jornalista Pedro Moura para uma entrevista no programa "Bom Dia Açores", de amanhã (26 de Outubro), sobre os Vinhos de Verdelho dos Biscoitos e os projectos que estão em curso na área da vinha e do vinho no Laboratório de Enologia do Departamento de Ciências Agrárias de Angra do Heroísmo da Universidade dos Açores.

(continua)

2 comentários:

maria disse...

Nada disto foi à semelhança do que aconteceu em 2008....
Os promotores deste evento, copiaram à descarada os que lhes ensinou o pessoal do continente que cá veio fazer o Wine Festival Açores 2008.
Num Festival destes não pensaram alguma vez, nem em sonhos, os actuais promotores deste Wine Azores. Aprenderam umas coisas no ano passado, pois foram convidados para serem parceiros locais. Meteram ao bolso uns milhares de euros de apoio do governo açoriano ao projecto (colocado em nome de um dos parceiros locais de então - para mais fácil aprovação das verbas). Depois ficaram com as receitas das entradas e inscrições dos expositores então presentes. No final quando o ápio chegou esqueceram-se (e esqueceram-se até hoje!) de pagar ao pessoal do continente, verdadeiros mentores deste festival de vinhos em Ponta Delgada, os cerca de 30.000 euros que os verdadeiros promotores investiram no mesmo para que se concretizasse.
Estes senhores, considerados por aqui como gente de bem, enganaram de forma absolutamente escandalosa os verdadeiros promotores e mentores deste evento de vinhos, dando-se agora ares de quem domina a coisa! Deviam ter vergonha!
Basta visitar www.sensusvini.com, para se perceber que esta pedra no sapato não impediu o pessoal do continente de continuarem a fazer o que sabem. E não precisam, ao que parece, do patrocínio de nenhum distribuidor local para terem produtores de vinho presentes nos seus eventos!
Resta-me dizer...Que descaramento!

Bagos D'Uva disse...

Cara Maria

Agradecemos a visita.
Volte sempre.